segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Após patrocinar rinhas de ursos contra cães, Royal Canin promete apoio à proteção animal

Parece inacreditável que uma fabricante de ração canina patrocine uma rinha cruel e sangrenta como esta, mas, de fato, ocorreu. A denúncia foi feita pela entidade de proteção animal FOUR PAWS International e repercutida no Brasil pela Anda. Após o assunto se tornar público, a Royal Canin se comprometeu a não patrocinar mais eventos do tipo e garante que vai ajudar na construção de um centro de acolhimento de ursos vítimas de maus tratos na Ucrânia. Segue, abaixo, a nota:

"Respeitando nossa política de transparência, lamentamos informar que a Royal Canin da Ucrânia patrocinou uma exposição local de cães que envolvia rinha de ursos. Por este patrocínio, a Royal Canin pede imensas desculpas, uma vez que vai contra o respeito aos animais que guia todas as nossas pesquisas e ações mundialmente.
 
A Royal Canin já tomou as medidas cabíveis internamente e aproveita para agradecer a FOUR PAWS International, organização que trouxe o alerta sobre o patrocínio indevido. Reforçamos que todos os esforços possíveis estão sendo empenhados para que situações similares não voltem a acontecer em qualquer país nos quais a Royal Canin atua ou venha a atuar.
 
Além disso, a Royal Canin reuniu-se com a FOUR PAWS para estudar um projeto que propõe a construção de um centro de acolhimento para 15 ursos na Ucrânia. A FOUR PAWS obteve o apoio das autoridades ucranianas para a concretização deste projeto e a Royal Canin já se comprometeu a também participar.
  
A Royal Canin tem não só a intenção de financiar a iniciativa, mas também de liderar a construção de alianças para incluir outros voluntários, como parceiros, associações e ONGs, de forma a garantir que este seja um projeto de longo prazo.
 
A Royal Canin está fortemente empenhada para que este passo inicie um novo capítulo de apoio ao bem-estar animal na Ucrânia."
Postar um comentário