terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Dilma é vaiada (e aplaudida) cinco vezes no Congresso

Na abertura dos trabalhos legislativos de 2016, a presidente Dilma Rousseff foi vaiada pelo menos cinco vezes no plenário do Congresso durante seu discurso: quando defendeu a CPMF; quando afirmou que a transposição do Rio São Francisco será concluída este ano; quando defendeu mudanças no FGTS, para que os recursos sirvam como garantia de crédito consignado; quando falou sobre as medidas contra o zika vírus; e no encerramento. Em todos os momentos, governistas responderam com aplausos.

Na sequência, discursa o presidente da Câmara, Eduardo Cunha.
Postar um comentário