terça-feira, 25 de abril de 2017

Ginásio do Tarumã reabre com jogos de minivôlei entre crianças

Projeto já atendeu 23 mil crianças no Paraná (Foto: Jaelson Lucas/AEN)
Depois de quase três anos e meio fechado, o Ginásio Professor Almir Nelson de Almeida, conhecido como Ginásio do Tarumã, em Curitiba, foi reaberto para atividades esportivas. Durante toda a semana, crianças e adolescentes que participam do projeto Vôlei em Rede, desenvolvido pelo Instituto Compartilhar, criado pelo técnico campeão Bernardinho, disputam partidas de minivôlei, modalidade adaptada para a iniciação esportiva no esporte.

Douglas Fabrício (em pé) explica revitalização (F: André Molina)
Nesta terça-feira, os secretários estadual do Esporte e Turismo, deputado licenciado Douglas Fabrício, e municipal de Esporte, Lazer e Juventude, Marcello Richa, além do gerente-executivo do Compartilhar, Luiz Fernando Nascimento, concederam uma entrevista coletiva para falar sobre a reabertura do espaço e projetos futuros para o Tarumã.


“A partir de agora, vamos conciliar a agenda do Tarumã com as demandas que surgirem na comunidade via poder público ou entidades esportivas, como as federações e clubes. Queremos desenvolver as atividades de base, a iniciação esportiva, e também os grandes eventos”, afirmou Douglas Fabrício.


O Governo do Estado investiu mais de R$ 1,4 milhão na revitalização do Tarumã. Além das adequações de segurança exigidas pelo Corpo de Bombeiros, a quadra do ginásio ganhou um novo e moderno piso, instalações elétricas e hidráulicas foram refeitas e os vestiários reformados. Ao lado do ginásio, foi instalada uma arena multiuso de grama sintética, projeto modelo que está sendo levado pelo governo aos municípios.


“Após essa semana de reinauguração junto com o Instituto Compartilhar, a Secretaria Municipal de Esporte, em parceria com a Secretaria Estadual do Esporte e Turismo vai começar a fomentar algumas atividades, alguns grandes eventos, especialmente no vôlei”, comentou Marcello Richa. “O Ginásio do Tarumã volta para Curitiba, volta a atender as comunidades curitibanas com seu cunho social, além de projetar Curitiba como uma cidade preparada para recepcionar grandes eventos”, avaliou o secretário.



ATIVIDADES – As atividades do Instituto Compartilhar com as crianças seguem até sexta-feira. No mesmo dia, à noite, haverá um bate-papo com o técnico Bernardinho, o ex-jogador de futebol Alex e o ex-judoca medalhista olímpico Flávio Canto. A inauguração oficial do Tarumã será no sábado, com um jogo exibição de ex-atletas do Rexona, time de vôlei que fez história em Curitiba. Já confirmaram presença jogadoras como Fernanda Venturini, Fofão e Waleskinha, além do próprio Bernardinho.

Capacidade é para 4,5 mil pessoas (F: Jaelson Lucas)
Nos 20 anos de existência, comemorados esta semana, o projeto Vôlei em Rede já atendeu 23 mil crianças e adolescentes. Atualmente, são 600 participantes em Curitiba e 2,5 mil em todo o Estado. “O projeto tem 20 anos graças à parceria com o Governo do Estado e os apoiadores. Acredito que com o Tarumã também será assim. Em nenhum lugar do mundo um espaço como este funciona sem parcerias”, comentou Luiz Fernando Nascimento.


“O esporte precisa de dinheiro, apoio e força. Só assim a população passa a entender e acreditar em seu valor. Felizmente, quando apresentamos o projeto de revitalização do Tarumã ao governador Beto Richa, tivemos todo o apoio necessário e hoje entregamos esse importante espaço para Curitiba e região”, comentou o secretário Douglas Fabrício.


SERVIÇO
Mesa redonda com Bernardinho, Alex e Flávio Canto
Sexta-feira, 28 – 20 horas

 

Jogo exibição do Rexona Vôlei: sábado, 29 – 16 horas
Ingressos: www.diskingressos.com.br
Postar um comentário