domingo, 27 de maio de 2018

Candidato ao Senado, coronel da PM Goiás chama Temer de "Pinóquio" e prega desobediência

"Esse é o meu senador", diz fã do coronel (Reprodução Facebook)
Circula desde ontem na internet um vídeo gravado pelo tenente-coronel Caixeta, da Polícia Militar de Goiás, em que o policial chama Michel Temer de "grande mentiroso" e "Pinóquio" ao comentar a greve dos caminhoneiros. Segundo Caixeta, o governo interino mente ao dizer que irá desobstruir as rodovias usando forças militares. "As rodovias federais não estão obstruídas", diz. "O acordo que você anunciou entre o governo e os caminhoneiros é uma grande mentira. Prova disso é que os caminhoneiros estão aqui na BR. Você fez acordo com algum sindicato pelego que não tem representatividade", completa Caixeta. O coronel também desqualifica o Judiciário e o Congresso. "Os militares já escolheram o povo", ameaça. Seria uma conclamação a um golpe sobre o golpe?

Nada disso. A julgar pelo seu perfil no Facebook, o tenente Walter Caixeta de Araújo, na verdade, é pré-candidato ao Senado e, consequentemente, espera ganhar alguns votos com a postagem. Parece ter dado certo. O vídeo vem recebendo muitas manifestações de apoio.

Assista:


Postar um comentário