domingo, 24 de junho de 2007

"Eu gosto de Cu...ritiba..."

Notas, impressões, versões e alguma verdade
Uma vez, quando eu ainda morava em Londrina, assisti a uma reportagem de um cara que estudou na UEL e depois virou repórter do antigo Programa do Ratinho - também paranaense. Nessa matéria, ele tentava entrevistar o mais famoso escritor curitibano da atualidade, Dalton Trevisan, o Vampiro de Curitiba. Como todos sabem, Trevisan é avesso a entrevistas e fotografias.
Pois o repórter localizou o escritor em um mercadinho perto de sua casa. Trevisan ficou incomodadíssimo com a abordagem, não deu atenção e ainda fez aquele gesto com a mão que todos sabemos bem o que significa. Aproveitando a deixa, o editor encerrou a reportagem com uma música muito interessante, cujo refrão diz: "Eu gosto de Cu...ritiba", assim mesmo, com essa pausa entre a primeira sílaba e o resto da palavra.
Eu sempre pensei que essa música fosse de Arrigo Barnabé - já assisti a um show em que ele a interpretava. Hoje, pesquisando pra escrever esse primeiro post em terras paranaenses, descobri que o autor da música de que eu sempre me lembrava quando falava de Curitiba é Carlos Careqa, catarinense que adotou a capital do Paraná como sua cidade.
Tudo isso foi apenas pra dizer que já estou aqui. E acho que vou gostar muito dessa cidade. Quem sabe não era isso que faltava?
Postar um comentário