quinta-feira, 21 de junho de 2018

A capa da Time é o retrato da "humanidade" de Trump


Não são necessárias muitas palavras para definir o horror promovido por Donald Trump contra crianças, bebês nos Estados Unidos. A política de separação de meninos e meninas inocentes e
indefesos de seus pais - revogada ontem pelo lunático presidente norte-americano - é de uma crueldade inominável.

A atitude, como se sabe, revoltou inclusive alguns conservadores republicanos. Não é para menos. Dói ver imagens como essas, em que uma criança de dois anos se desespera ao ser separada da mãe em uma fronteira dos EUA com o México. A capa da Time é precisa. Onde vamos chegar?
Postar um comentário